Por que?

Caso eu dissesse que foi porque quis, eu estaria mentindo. Mas, o que posso dizer, é que: Eu comecei a me importar!

Eu estava ferido, e me tornei atento! Me recluí, me escondi. Fiquei solitário…

Fiz filosofia interna e externa de mim mesmo. E tudo ao redor, eu absorvi, mas antes é preciso observar, ouvir…

Pensei.

Abri meus olhos e usei meus olhos. Usei também os meus ouvidos, e tapei a boca!

Eu não decidi. Mas, por estar sozinho descobri como decidir.

A razão? Você conquista.

Ouça o texto:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s