Não foi desta ‪‎vez‬ 2

Eu virei a esquina, era mais ou menos 22:48 ouvi aquele barulho de sirene, estava tão alucinado, que corri sem olhar para trás, tropecei em uma pedra bati a cabeça e eles me pegarão. 11 dias antes eu estava em um hospital, minha filha Júlia, morreu aos 0 anos de vida, junto com ela meu amor, Carla… em meio a toda a confusão eu usei drogas, matei uma pessoa e roubei uma moto. Hoje estou preso, por furto e homicídio e ainda há quem me chame de marginal. A vida só me tirou a oportunidade, mas foi o melhor, eu não seria capaz de amar e cuidar de uma família, seja breve as oportunidades que não suportamos. Quanto menos tempo durar, menos dor ela irá trazer.

Anúncios

Não foi desta vez 1

Nós queremos cidadãos não coitados. Tem que ensinar e aprender, pois é a única forma de poder de uma criança, que chora pelo pão, pela falta da mão, de uma MÃE que viajou e nunca mais voltou e, agora a rua é tua e agora o jovem, pula cerca e vira droga, pois é … agora adulto já pode ser preso, só esperou um ano depois dos 18 e morreu no defeito. O ensinar que tinha nem teve apoio, o pai que só bebia sempre fugia, e na rua, sempre na rua, a de esperar mais uma venda de vida, e o jovem se vendeu, o pai se ofendeu, e mãe nem adeus, nem adeus. – James